quarta-feira, maio 09, 2007

Em busca de Madeleine McCann

Esta criança está a comover. Desapareceu sem deixar rasto. Até hoje. Creio que pouco posso fazer para ajudar, mas vou procurar colaborar. Peço a todos os visitantes por esse mundo fora que se puderem, colaborem. Obrigado.

Madeleine Beth McCann, com quase 4 anos (nasceu em 12-5-2003), desaparecida do resort The Ocean Club, Praia da Luz em Lagos, Portugal, em 3-5-2007, à noite.

Madeleine Beth McCann, almost 4 years old, disappeared from The Ocean Club resort, Praia da Luz, Lagos, Portugal, in the evening of May 3, 2007

Se viu esta menina, contacte 282 405 400
If you saw this girl, contact 00 351 282 405 400

10 comentários:

O LEÃO DA ESTRELA disse...

A propósito das investigações policiais ao dramático desaparecimento da menina britânica Madeleine McCann, no Algarve, é preciso chamar os bois pelos nomes. A vinda de polícias ingleses, eufemisticamente justificada pela ideia de que todos somos poucos para descobrir o paradeiro da criança, é a prova da desconfiança dos ingleses em relação às autoridades portuguesas. Para eles, Portugal é uma extensão de África, com sol na maior parte do ano, um serviço hoteleiro minimamente aceitável e muita comida boa e barata. Na polícia portuguesa não vislumbram as mesmas qualidades, nomeadamente por falta de meios técnicos e humanos. Aliás, as imagens que têm corrido o mundo mostrando soldados da GNR, com uns chapéus esquisitos, nas bermas das estradas à procura de coisa nenhuma, são bem o retrato de um Portugal parado no tempo. E pelo que temos observado, a Polícia Judiciária nem sequer sabe comunicar o seu trabalho.

BISMARQUES disse...

Só existe este aparato todo, porque a criança é Inglesa e estava no Algarve que é "dominado" pelos Ingleses porque se fosse Portuguesa só teriam falado no primeiro dia!!!
Temos um caso recente da Joana que também desapareceu e quais é que foram os meios destacados para este caso?
R:Uma Retroescavadora para andar a fazer buracos há procura da menina!!!
É o País que nós temos, uma VERGONHA!!!

Alberto Vale disse...

Compreendo o seu comentário e somos livres de apresentar as nossas opiniões, ainda que por vezes pouco educadas. Embora pareça existir um maior mediatismo e maior dedicação quando comparada com outros casos que se passaram em Portugal, não é razão para criticarmos tão severamente as autoridades portuguesas. A começar pelas autoridades ingleses que têem a obrigação de olhar para o próprio umbigo e lembrar as suas missões com menos sucesso. Acredito que as autoridades portuguesas estão a fazer o melhor que podem. Incentivados pelo compromisso da profissão, pela imagem do país e principalmente porque muitos deles são pais e sentem essa dor na pele.

Com os meus cumprimentos,
Alberto Vale

Alberto Vale disse...

Apenas a acrescentar que embora eu defenda, à imagem de muitos comentadores, que está a existir um maior mediatismo e importância para o caso da menina Madeleine (talvez pelas origens sociais e como turista inglesa), "o caso da Joana" também não foi muito inferior. O que eu lamento profundamente é que este mediatismo e a importância que são atribuídos ao caso serem proporcionais às audiências televisivas e ao impacto nos jornais/periódicos mais "bombásticos". Eu defendo que as notícias sejam breves, mas que sejam criados/melhorados os departamentos judiciais envoltos nestes tipos de casos, nomeadamente a pedofilia, um problema a nível mundial e que não deixa de assumir proporções dramáticas. Isso sim, é que devia preocupar.

BISMARQUES disse...

@Alberto Vale
Pouco educado o meu comentário?

Onde é que estava no 25 de Abril de 1974?

Eu estava na rua a lutar pela liberdade dos Portugueses que até à data vivia-mos de boca fechada com medo de sermos presos ou maltratados, e se agora,passo a cita-lo "somos livres de apresentar as nossas opiniões" fim de citação, têm de agradecer a todos que estiveram a lutar pelos nossos direitos e pela liberdade como cidadãos portugueses!
O tempo de não poder dizer o que sinto já passou meu amigo!!!

Alberto Vale disse...

Caro Bismarques,

A observação que fiz de pouco educado o comentario refer-se ao primeiro de todos os comentários feito por "o leão da estrela" que referencia as autoridades como "bois" e a referir a incompetência das autoridades. Por piores que eles sejam, não acredito, e mais uma vez o digo, que estejam a dar o melhor deles para solucionar o caso o mais breve possível. Não estou ligado ou tenho qualquer familiar próximo associado às autoridades para estar a defendê-los. Mas também admito existirem falhas. Quanto ao 25 de Abril, por eu defender a liberdade é que ao moderar os comentários, nenhum foi riscado com lápis azul. Ainda não rejeitei um único comentário e quando o fizer terá de ser por razões muito fortes! Lamento é a ordem com que os comentários aparecem e por essa razão ter surgido esta confusão :-)

Com os meus cumprimentos,
Alberto Vale

Alberto Vale disse...

Peço desculpa pelos erros, mas foi por falta de tempo para verificar. Obrigado!

BISMARQUES disse...

Quando for assim, antecipadamente têm de dizer para quêm é que está a responder para não haver confusões!!!
Na altura fiquei abesbilico quando li que tinha sido pouco educado no comentário que tinha feito, na minha humilde opinião estava com a certeza que não, mas ainda bem que tudo não passou de um mal entendido!

Aquele Abraço

BisMarques

Existências disse...

eu acho que enquanro descutimos se os pais forma ou não negligentes que a nossa policia é isto e aquilo deviamos mostrar do que somos feitos e fazer como fizemso com o football qdo o scolari pediu apoio de todos.

estamos a falar de uma criana de 3 anos de idade que neste exacto momento pode estar aser abusada sexualemente por um tarado prevertido que não merece serquer existir!

Como portugueses que somos e boa gente deviamos fazer qualquer coisa ( criar um grupo para distribuir fotos em espanha frança etc) divulgar na net etc aumentar a recompensa sei la)

Somos diferentes e amamos as crianças pelo que devemos fazer qualquer coisa!

Fico a espera de ideias!

Alberto Vale disse...

Na minha opinião, e sublinho "minha opinião":

1 - houve negligência por parte dos pais por deixarem três crainças sozinhas em casa (por mais "mãe galinha" que o povo português seja, é negligência),

2 - está a existir muito mais mediatismo nacional e internacional do que em qualquer outro caso de desaparecimento de menores ocorrido em Portugal,

3 - houve (e ainda há) uma crítica agressiva às autoridades portuguesas que penso não ter razão de existir.

Não obstante, creio que podemos todos ajudar, por pouco que seja. Por essa mesma razão, e por mais insignificante que seja a visualização deste blog por todo o mundo, o "post" publicado é sempre mais uma colaboração em especial para esta criança poder ser reconhecida algures e para pensarem nas outras crianças que estão a ser utilizadas desgraçadamente para fins como a pedofilia.

Cumprimentos,
Alberto